Publicidade

Estado de Minas

"Havia um monte de gente ao redor, mas ninguém ajudou", diz mulher agredida

A vítima afirmou que, mesmo com a prisão do agressor, está com medo


postado em 28/02/2014 19:30 / atualizado em 28/02/2014 19:33



Assista o vídeo com o depoimento de Célia Maria Otaviano sobre as agressões que sofreu na última terça-feira (25/2). Ela e uma amiga foram perseguidas e apanharam na saída de um restaurante do Setor Comercial Sul. A vítima confessa que está com medo, mesmo com a prisão do suspeito de agressão.

 

A assessora técnica contou ao Correio o que ocorreu no dia. Ela comentou que ficou indignada com a falta de apoio das pessoas no local. "Juntou um monte de gente em volta, ninguém gritou, ninguém me ajudou, ninguém se meteu nessa briga", afirmou Célia.

Leia mais notícias em Cidades


A vítima informou que o rapaz foi embora ameaçando as duas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade