Publicidade

Estado de Minas

Forte neblina deixa pousos e decolagens limitados no aeroporto

Por quase uma hora, tais processos estiveram suspensos e agora são realizados com luzes de auxílio na pista


postado em 29/11/2014 09:13 / atualizado em 29/11/2014 11:20

O sábado (29/11) deu bom dia para a população do Distrito Federal com forte neblina. A visibilidade para os motoristas fica limitada e o Aeroporto suspendeu pousos e decolagens durante quase uma hora. A fotógrafa Zuleika de Souza, do Correio, capturou imagens da situação no DF.

Vistos de certo ângulo, pontos altos como a Torre de TV e o Congresso Nacional ficam com o topo invisível a quem olha. Por conta da falta de visibilidade, os pousos e decolagens no Aeroporto Internacional de Brasília foram interrompidos das 3h10 até as 7h e das 7h11 às 8h09. Uma hora depois desse período, tais processos são feitos por instrumento. Ou seja, com luzes de auxílio na pista.

Leia mais notícias em Cidades

Nesse caso, a decisão de pousar ou não e se arriscar é do piloto e sua equipe. Para o antropólogo Francisco Miguel, 25 anos, a manhã de sábado é de espera. Um amigo vem de Vitória (ES) visitá-lo. A previsão de chegada era às 9h14, mas o avião, do voo número 3518, da Tam, aterrissou às 11h14. "Ainda bem que ele me avisou por Whatsapp antes de eu ir para o aeroporto", disse.

A Inframérica informou, por meio da assessoria de imprensa, que, até as 8h, oito voos tinham sido desviados para Goiânia (GO), Confins (MG) e Montes Claros (MG), mas já foram reconduzidos para Brasília. Uma viagem acabou cancelada. A situação voltou ao normal às 9h54.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade