Publicidade

Estado de Minas

Justiça determina que Sanoli retome serviços de alimentação em hospitais

Os serviços estavam parados desde a última sexta-feira. Os funcionários pedem pagamentos atrasados


postado em 23/02/2015 16:10 / atualizado em 24/02/2015 13:50

A Justiça determinou que empresa Sanoli – Indústria e Comércio de Alimentação Ltda restabeleça imediatamente o fornecimento de alimentação para todos os hospitais públicos do DF, incluindo pacientes, acompanhantes e servidores. O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) fixou multa de R$ 100 mil a R$ 5 milhões por dia, caso a decisão não seja cumprida.

 

Leia mais notícias em Cidades

 

A decisão tomada no plantão judiciário, baseou-se nos argumentos expostos pela Procuradoria Geral do DF. A principal alegação é que os pagamentos não efetuados pelo governo anterior não justificam a suspensão unilateral do fornecimento da alimentação. O juiz de plantão declarou que a atual administração da capital já indicou a intenção de regularizar as dívidas pendentes. Como foi em 1ª instância, ainda cabe recurso da decisão.

Os serviços de alimentação foram suspensos pela Sanoli, na última sexta-feira, em 15 hospitais públicos e seis Unidades de Pronto Atendimento (UPA). Os funcionários querem os pagamentos de novembro e dezembro de 2014 - e um montante devido desde janeiro do mesmo ano.

 

Assista a reportagem da TV Brasília:

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade