Publicidade

Estado de Minas

Jovem do Núcleo Bandeirante é eleita a nova Miss Distrito Federal

"Este ano foi muito marcante, pois tivemos a primeira vencedora negra do Miss DF", disse o organizador do evento, Cloves Nunes


postado em 11/07/2015 23:51 / atualizado em 12/07/2015 00:24

(foto: Edson Minervino/ CB/ DA Pressw)
(foto: Edson Minervino/ CB/ DA Pressw)
 

 

A Miss Núcleo Bandeirante, Amanda Balbino, 20 anos, venceu o concurso para Miss Distrito Federal 2015, que ocorreu na noite deste sábado (11/7), no Auditório Máster Ruth Cardoso, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. Essa foi a primeira vez que uma candidata negra venceu a competição. A estudante do 5ª semestre de Psicologia na Universidade de Brasília representará o DF no Miss Brasil 2015.

 

O segundo lugar ficou com a candidata Lorena Loschi, de Vicente Pires, e a terceira colocação com Gisele Maria, da Comerciária. Durante a cerimônia, as candidatas desfilaram com cinco modelos de roupa diferentes - vestido curto, biquini, vestido de gala, maiô, vestido longo e, novamente, traje de gala. 

 

Para o organizador do evento, Cloves Nunes, o Distrito Federal mostrou, mais uma vez, que esse é um concurso sério. "Este ano foi muito marcante, pois tivemos a primeira vencedora negra do Miss DF", disse.

 

A coroa foi entregue à Amanda pela vencedora do ano passado, a modelo e estudante de direito Luíza Lopes, 25, que deu algumas dicas à nova rainha. "Não mude sua personalidade e aproveite a oportunidade para fazer muitos contatos. É um período cheio de oportunidades."

 

Neste ano, foram mais de 400 inscrições nos concursos regionais. As 23 jovens foram eleitas em concursos nas cidades satélites e tiveram treinamentos de etiqueta, comportamento, postura, moda e cuidados com o corpo.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade