Publicidade

Correio Braziliense

Estádio Mané Garrincha está interditado para jogos de futebol


postado em 08/06/2016 14:18 / atualizado em 08/06/2016 14:30

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Caio Cesar Rocha, decidiu, na tarde desta quarta-feira (8/6), interditar o Estádio Nacional Mané Garrincha. A sanção se restringe a organização de jogos de futebol e não se aplica a outros eventos.

O pedido de interdição partiu do procurador-geral do STJD, Paulo Schmmitt, que enviou a denúncia cobrando que o estádio fosse impedido de receber partidas, em caráter urgente, após a confusão com feridos na partida Flamengo x Palmeiras, no último domingo.

O Mané Garrincha ficará fechado para o futebol até que sejam apresentadas soluções que garantam segurança do público que frequentar o estádio - infraestrutura ou ações específicas de segurança.

Segundo informou a assessoria do STJD, apenas os clubes envolvidos (Flamengo e Palmeiras) poderão recorrer da decisão liminar expedida hoje.

Entenda o caso

Trinta pessoas foram presas após uma briga envolvendo integrantes de facções organizadas do Flamengo e do Palmeiras, no domingo, em partida válida pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Dois torcedores ficaram gravemente feridos, e um segue internado no Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF).

A Polícia Militar utilizou spray de pimenta para conter a confusão, o que afetou milhares de torcedores e atrasou o reinício de Flamengo x Palmeiras por cerca de cinco minutos - 55 mil estavam presentes ao Mané naquela tarde.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade