Publicidade

Correio Braziliense

Servidores do Detran paralisam por 24 horas para pressionar GDF

Quem tem pendências documentais urgentes ainda pode procurar os postos do Detran no Na Hora


postado em 18/10/2016 16:00 / atualizado em 18/10/2016 17:03

Servidores do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran) paralisaram os serviços nesta nesta terça-feira (18/10) por 24 horas. Quem tem alguma pendência urgente ainda pode recorrer ao postos Na Hora. De acordo com o presidente do sindicato da categoria, Fábio Medeiros, essa decisão é para que o Executivo atenda às reivindicações feitas em 2015. Na quarta-feira (19/10) a categoria voltará ao trabalho.

Leia mais notícias em Cidades

Os servidores se reuniram em assembleia na manhã desta terça e marcaram a próxima com indicativo de greve para 8 de novembro. Ainda segundo o presidente do Sindetran-DF, a partir do 1º dia do mês, se as demandas não forem atendidas, os servidores entrarão em operação padrão. Irão limitar os atendimentos, cumprir a legislação de acordo com as condições de trabalho e fazer blitz somente se houver vagas para carros apreendidos no depósito do órgão.

A categoria reivindica a terceira parcela do reajuste, a regulamentação das carreiras, como a alteração de nomenclaturas dos cargos; regulamentação das jornadas de trabalho, conforme a lei 840; a passagem do concurso de nível técnico para superior e reajustes no auxílio-alimentação.

A reportagem do Correio entrou em contato com a assessoria de imprensa do Detran que não soube informar a posição do órgão a respeito da paralisação.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade