Publicidade

Estado de Minas

Morre mulher atingida por tenda na Esplanada após temporal de uma semana

O óbito foi confirmado às 18h10 desta terça-feira (25/10). A informação é do Corpo de Bombeiros. A mulher havia sido encaminhada ao Hospital de Base do Distrito Federal com traumatismo craniano e um corte na cabeça


postado em 26/10/2016 15:18 / atualizado em 26/10/2016 15:42

Na ocasião Lindalva e outras cinco pessoas ficaram feridas(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Na ocasião Lindalva e outras cinco pessoas ficaram feridas (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
 
Uma semana após ser atingida pela queda de uma tenda durante o temporal na terça-feira (19/10), Lindalva Silva de Souza, 41 anos, morreu. O óbito foi confirmado às 18h10 desta terça-feira (25/10). A informação é do Corpo de Bombeiros. A mulher havia sido encaminhada ao Hospital de Base do Distrito Federal com traumatismo craniano e um corte na cabeça depois da chuva na semana passada que que destruiu o acampamento instalado na Esplanada dos Ministérios. 
 
Havia mais de duas mil pessoas no local que pediam pela Reforma Agrária e o resguardo do direito à moradia. Durante a tempestade 20 tendas grandes foram levadas pelo vento forte. Outras barracas de campi foram derrubadas. 

Lindalva estava no acampamento da Frente Nacional de Luta (FNL) onde ela e mais cinco ocupantes se feriram.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade