Publicidade

Correio Braziliense

Morre empresária, galerista e marchand de arte Celina Kaufman aos 71 anos

Ela já estava internada há duas semanas no hospital Sírio Libanês, em São Paulo. O corpo será velado em uma cerimônia neste domingo (13/8), por volta das 15h, no Cemitério São Paulo Cardeal (SP).


postado em 13/08/2017 12:16 / atualizado em 13/08/2017 12:56

(foto: Arquivo pessoal/Divulgação)
(foto: Arquivo pessoal/Divulgação)
Proprietária da Art&Art Galeria, na QI 21 no Lago Sul, Celina Leite Ribeiro Kaufman, 71 anos, morreu na noite deste sábado (12/8), após uma parada cardíaca. Ela já estava internada há duas semanas no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. O corpo será velado em uma cerimônia neste domingo (13/8), por volta das 15h, no Cemitério São Paulo Cardeal, em São Paulo.
 
 
Apaixonada pelas artes, Celina era galerista e marchand de arte. Representou vários artistas brasileiros — principalmente os brasilienses — e organizou exposições em diversos espaços da capital federal. Ela também trabalhou como jornalista na assessoria da Caixa Econômica Federal. Ela ajudava várias instituições de caridade e era considerada muito religiosa.
 
Celina era casada com o empresário Celso Kaufman e não teve filhos.  

 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade