Publicidade

Correio Braziliense

Detran-DF usará drones para auxiliar na fiscalização de motoristas

O principal objetivo é flagrar condutores que utilizam celulares enquanto dirigem


postado em 20/12/2017 15:08 / atualizado em 20/12/2017 15:09

Agentes de trânsito foram treinados e certificadas junto à ANAC para operar os aparelhos(foto: Detran/Divulgação)
Agentes de trânsito foram treinados e certificadas junto à ANAC para operar os aparelhos (foto: Detran/Divulgação)
 
Nesta semana, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) começou a utilizar drones para auxiliar nas fiscalizações nas vias urbanas. Os dois equipamentos foram adquiridos por meio de doação da Receita Federal. O objetivo é ajudar no flagrante de motoristas que utilizam celular ao volante, entretanto, o dispositivo também servirá para monitorar outras infrações, como desrespeito ao pedestre na faixa, e transitar%u200B e estacionar em locais proibidos. 
 
 
O Detran visa, com os drones, realizar um levantamento das áreas críticas de estacionamentos em decorrência do alto fluxo de carros e, com isso, subsidiar futuras operações e possíveis soluções de engenharia de tráfego.
 
As operações ocorrerão diariamente, entretanto, no início, as fiscalizações serão apenas nas principais vias urbanas da capital, ou quando houver algum evento de grande porte que necessite de controle especial de tráfego. O serviço ficará à cargo da Unidade de Operação Aérea (UOPA), sendo que os agentes foram treinados e certificadas junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para operar os aparelhos.

Autuações

 
De janeiro a novembro de 2017, o Distrito Federal registrou 64.877 infrações pelo uso do celular ao volante, tendo uma alta em relação ao ano anterior de 22%. No mesmo período de 2016, o número foi de 50.53%u200B2%u200B condutores infratores.
 
Conforme o artigo 252 do Código de Trânsito Brasileiro, é proibido dirigir o veículo com apenas uma das mãos, exceto quando seja para fazer sinais regulamentares de braço ou acionar equipamentos e acessórios do veículo. Utilizar o celular enquanto dirige é infração gravíssima, com uma multa de R$ 293,47 e sete pontos na carteira nacional de habilitação.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade