Publicidade

Correio Braziliense

Homem é preso ao morder e tentar estuprar mulher no Núcleo Bandeirante

Policiais conduziram o suspeito, detido em flagrante, para a 21ª Delegacia de Polícia. Vítima seguiu para o Hospital Regional da Asa Norte


postado em 05/01/2018 09:20 / atualizado em 05/01/2018 09:30

(foto: Arte: Cristiano Gomes/CB/D.A Press)
(foto: Arte: Cristiano Gomes/CB/D.A Press)

Uma equipe da Polícia Militar prendeu um homem de 37 anos acusado de agredir, morder e tentar estuprar uma mulher em um terreno baldio no Núcleo Bandeirante, às 22h de quinta-feira (4/1). Segundo a corporação, o suspeito abordou a mulher em um matagal no bloco 880 da cidade. Ele estaria armado no momento da abordagem.
 
 
A vítima relatou momentos de horror aos policiais que atenderam a ocorrência. Enquanto passava ao lado do matagal, o acusado jogou a mulher no chão e a imobilizou. Moradores da região ouviram os pedidos de socorro e chamaram a PM.
 
Os policiais relatam ter chegado ao local a tempo de deter o suspeito, que foi levado à 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul). De acordo com o boletim de ocorrência, o homem negou a tentativa de estupro e as agressões, e disse apenas que tentaria roubar a vítima.

Também segundo o boletim, a mulher estava em estado de choque no momento em que os militares chegaram ao local do crime. A vítima seguiu para o Hospital Regional da Asa Norte e, depois, para o Instituto de Medicina Legal. Não se sabe a extensão dos ferimentos sofridos pela agressão.
 

Pedido de ajuda terminou em violência

 
Os casos de estupro registrados no Distrito Federal revelam a falta de segurança pela qual as brasilienses passam. Há quase duas semanas, uma mulher de 18 anos foi estuprada por três adolescentes que ofereceram abrigo a ela devido a uma forte chuva que caía em Sobradinho, cidade a 33km do crime da noite de quinta-feira.
 
Dois jovens, de 14 e 17 anos, respectivamente, foram encaminhados para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA). Um terceiro suspeito ainda não havia sido localizado pela polícia até a última atualização desta reportagem.

O balanço mais recente da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF) revela aumento nos casos de estupro no Distrito Federal. Até o mês de novembro, a secretaria contabilizou 626 casos, contra 551 registrados no mesmo período do ano anterior.
 
Ainda em novembro, a SSP informou que houve 75 registros de estupro contra 40 em 2016, o que somou um crescimento de 81,5%.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade