Publicidade

Correio Braziliense

Foragido beneficiado com saidão de ano-novo mata desafeto no Paranoá

O homicídio aconteceu por volta das 8h. O criminoso fugiu em um carro roubado, mas foi preso por policiais militares


postado em 06/01/2018 15:25 / atualizado em 06/01/2018 16:40

Beneficiado do saidão que não voltou para o Centro de Progressão Penitenciária matou um homem e feriu uma mulher grávida(foto: PMDF/Divulgação)
Beneficiado do saidão que não voltou para o Centro de Progressão Penitenciária matou um homem e feriu uma mulher grávida (foto: PMDF/Divulgação)
 

Um homem beneficiado com o saidão de ano-novo matou um desafeto com um tiro na cabeça e agrediu uma mulher grávida na manhã deste sábado, no Paranoá. O homicídio aconteceu por volta de 8h. Após o ato, o criminoso fugiu em um carro roubado acompanhado de um comparsa. A vítima e o assassino brigaram em uma festa durante a madrugada.

Leia as últimas notícias do Distrito Federal

Após o desentendimento, o autor dos disparos deixou o local, mas voltou armado. A grávida tentou evitar que o agressor atirasse e, por isso, ele a atacou com coronhadas. A mulher foi levada para o Hospital Regional do Paranoá com escoriações.

Policiais militares localizaram o veículo roubado na Quadra 25 Condomínio Del Lago, quando o motorista entrava em um terreno baldio, por volta de 10h. Os PMs abordaram a dupla e o autor dos disparos fugiu saltando o muro de uma residência, mas acabou preso após um breve cerco.

O caso está a cargo da 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá). O autor dos disparos responderá por homicídio, tentativa de homicídio e roubo de veículo. O comparsa, pelo roubo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade