Publicidade

Correio Braziliense

Detran flagra 26 motoristas embriagados por dia em operação de fim de ano

Ao todo, 582 condutores sob efeito de álcool foram autuados nos 22 dias da Operação Festa Segura. Somando todas as infrações, o número de multas aplicadas chegou a 13.411 no período


postado em 10/01/2018 10:44 / atualizado em 10/01/2018 11:04

Ao todo, sete condutores foram presos por apresentarem índice acima dos 0,33 mg/l no teste do bafômetro, valor suficiente para o infrator ser enquadrado por crime(foto: André Borges/Agência Brasília)
Ao todo, sete condutores foram presos por apresentarem índice acima dos 0,33 mg/l no teste do bafômetro, valor suficiente para o infrator ser enquadrado por crime (foto: André Borges/Agência Brasília)
O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) flagrou 582 motoristas dirigindo sob efeito de álcool entre 18 de dezembro e 8 de janeiro. O valor equivale a uma média de 26,45 autuações por dia por embriaguez ao volante nos 22 dias em que o órgão reforçou a patrulha no DF, na Operação Festa Segura. Ao todo, o Detran contabilizou 216 blitzes no período.
 
 
No balanço da operação, divulgado nesta quarta-feira (10/1), sete condutores receberam voz de prisão em flagrante. Eles apresentaram índice de álcool no sangue superior a 0,33 miligrama por litro de ar soprado no bafômetro, valor mínimo considerado crime segundo o Código de Trânsito Brasileiro.
 
Apenas no fim de semana, houve 90 autuações a condutores embriagados. multa prevista para o motorista flagrado dirigindo bêbado é de R$ 2.934,70. Em caso de reincidência nos 12 meses seguintes à autuação, o valor dobra e atinge R$ 5.869. Além disso, o infrator perde o direito de dirigir.
 
Em todo 2017, o Detran flagrou 24.425 motoristas embriagados. O valor representa aumento de 70% em relação às 14.358 autuações registradas no ano anterior. 
 

Cai número de mortes no trânsito

 
O levantamento do Detran contabilizou 14 mortes nas vias do Distrito Federal em todo dezembro de 2017. O valor corresponde a menos da metade do registrado no mesmo mês do ano anterior, quando 30 pessoas perderam a vida.
 
A estatística inclui todas as pistas no perímetro do Distrito Federal, inclusive aquelas fora da jurisdição do Detran. O departamento informou que faz o levantamento a partir de uma série de ocorrências registradas na Polícia Civil a cada mês. Considerando apenas as vias locais, houve três mortes em dezembro, contra 11 no mesmo período do ano passado.
 
No somatório do ano, o total de mortes nas pistas do DF chegou a 295. O valor representa redução de cerca de 35% em relação às 390 registradas em todo 2016.
 

Mais de 609 multas por dia

 
Considerando outras infrações, o Detran autuou 13.411 motoristas apenas nos 22 dias de operação, uma média de mais de 609 multas aplicadas por dia. Além disso, o departamento removeu 1.168 veículos aos depósitos nesse período.
 
Os números apresentados pelo Detran evidenciaram outras imprudências cometidas com frequência pelos motoristas e também pelos passageiros. Somente nesses 22 dias, os agentes autuaram 2.807 condutores por falta de cinto de segurança, uma média de mais de 127 flagrantes por dia.
 
A próxima operação que vai intensificar as blitzes em áreas de bares, restaurantes e festas no DF deve ocorrer em datas próximas ao Carnaval. A ação, segundo estimativa do Detran, deve durar 15 dias.
 

Detran flagra veículo com recorde de multas inscritas

 
Agentes de trânsito flagraram, na madrugada de terça-feira, um Fiat Stilo Sporting com 61 multas inscritas e mais de R$ 17,9 mil em débitos. O veículo estava sem licenciamento.
 
Além disso, segundo o Detran, o homem estava sob efeito de álcool. Era a quarta vez em dois anos que o motorista foi autuado na Lei Seca.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade