Publicidade

Correio Braziliense

Previsão do tempo: chuva deve voltar ao DF em dia quente e abafado

Mesmo com a previsão de chuva, a umidade do ar deve cair a até 35% nas horas mais quentes do dia


postado em 11/01/2018 08:17 / atualizado em 11/01/2018 08:26

Nebulosidade aumenta em relação aos dois últimos dias, mas o calor deve predominar(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Nebulosidade aumenta em relação aos dois últimos dias, mas o calor deve predominar (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
A quinta-feira (11/1) no Distrito Federal terá tempo abafado. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o sol aparece entre nuvens na maior parte do dia. Há previsão de chuva em alguns pontos do DF à tarde, mas o calor deve predominar à tarde, com máximas de 29°C
 
 
O Inmet também prevê que, com o calor, a umidade do ar volte a cair a até 35% nas horas mais quentes, o que requer cuidados com a hidratação. Segundo o meteorologista Hamilton Carvalho, o fenômeno é normal, mesmo em estações chuvosas. "As nuvens diminuem, o sol aparece e, então, a umidade cai", explica.
 
Depois de uma terça-feira sem chuvas no DF, o Inmet registrou pancadas isoladas na quarta-feira. Apesar da queda na umidade, o instituto espera que vá chover, também à tarde, em alguns pontos.
 
Assim, o Inmet espera terminar janeiro com o volume de chuvas igual ou mesmo superior à média histórica do DF, que é de 247,4 milímetros. Por enquanto, mesmo com dias de sol, o tempo vem correspondendo às expectativas. Nos 10 primeiros dias de 2018, o instituto registrou acumulado de 87,8%, cerca de 35% do esperado para o mês.
 

Mesmo com pouca chuva, reservatórios recuperam volume

 
Os dias de pouca chuva não foram suficientes para estagnar ou prejudicar as cheias que aliviam os principais reservatórios do Distrito Federal. O volume do Descoberto atingiu 37% na medição de quarta-feira, acima da média prevista inclusive para fevereiro. Em ritmo mais lento, o Santa Maria fechou o dia em 32,3%, acima dos 28% da referência para janeiro.
 
A crise hídrica, porém, continua, e o racionamento não tem previsão de fim. Confira aqui as cidades que sofrem corte nesta quinta-feira. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade