Publicidade

Correio Braziliense

Carnês do IPVA começam a ser enviados, ainda sem desconto do Nota Legal

Motoristas que usarem o programa Nota Legal para reduzir o valor do IPVA poderão, mais tarde, tirar uma segunda via dos carnês


postado em 11/01/2018 10:31 / atualizado em 11/01/2018 14:32

A Secretaria de Fazenda despachará somente o licenciamento dos veículos, cabendo ao proprietário a emissão do seguro obrigatório(foto: Antonio Cunha/CB/D.A Press)
A Secretaria de Fazenda despachará somente o licenciamento dos veículos, cabendo ao proprietário a emissão do seguro obrigatório (foto: Antonio Cunha/CB/D.A Press)
 
 
Os carnês relativos ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) começaram a ser enviados ao donos de veículo no Distrito Federal esta semana. De acordo com a Secretaria de Fazenda, no documento consta o valor integral da taxa, sem abatimentos do Nota Legal, já que o prazo para indicação de créditos vai até 31 de janeiro. 
 
 
O governo prevê que sejam angariados cerca de R$ 991 milhões com o imposto, em 2018. São 1,155 milhão de carnês de carros tributáveis. Os documentos para os demais veículos — que apresentam isenção constitucional ou mais de 15 anos de uso — serão expedidos na próxima semana.
 
Neste ano, a Secretaria de Fazenda despachará somente o licenciamento dos veículos, cabendo ao proprietário a emissão do seguro obrigatório.
 

Nota legal

 
Para descontos por meio do Nota Legal, é preciso imprimir a segunda via do documento. Quem quiser fazer o pagamento pela cota única terá 5% de desconto, que pode ser acumulado com os abatimentos do programa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade