Publicidade

Correio Braziliense

Blitzes flagram 370 motoristas alcoolizados só no último fim de semana

Os números são de ações realizadas pela PM e pelo Detran. As operações ainda removeram 166 veículos das ruas


postado em 15/01/2018 20:20 / atualizado em 15/01/2018 22:41

 
Em três dias de fiscalização, de sexta a domingo passado, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) notificou 300 motoristas dirigindo após ingerir bebidas alcoólicas. Outros 70 condutores foram autuados pelos Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF). O Detran ainda removeu 161 veículos, um deles com mais de R$ 20 mil em débitos.
 
 
Segundo o coronel da PMDF Edvã Sousa, a operação Zero Álcool da Polícia Militar colocou mais de 60 policiais nas ruas para a fiscalização de alcoolemia. A ações aconteceram na vias da Asa Sul, Asa Norte, Setor de Clubes, Águas Claras, Sudoeste, Cruzeiro, Samambaia e Brazlândia. "São locais que têm festas, bares, e consequentemente muitos acidentes, justamente pelo fato da combinação de álcool e direção”, explica o coronel.

A operação da PM apreendeu, ainda, cinco veículos e notificou outras 83 infrações. Sousa afirma que, em 2017, cerca de 82 mil testes de bafômetro foram feitos pela PM. "Eu espero que essas fiscalizações conscientizem a população. O estado está aqui para coibir essa combinação (álcool e direção) que pode matar", destaca Sousa.

O Detran também esteve nas ruas em uma ação integrada nacionalmente de combate à alcoolemia, promovida pelo Fórum Permanente das Operações Lei Seca do Brasil. No DF, a iniciativa foi realizada por Detran-DF, PMDF, Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Além dos mais de 160 veículos removidos e dos condutores notificados, o órgão flagrou seis condutores inabilitados, seis com a CNH vencida, além de outros cinco autuados por motivos diversos.

Outras ações

 
Em 2018, as atividades relativas a álcool e direção devem continuar. O Detran promete intensificar as ações. Para o período de carnaval, será utilizado bafômetros descartáveis para conscientizar a população. “A intenção é demonstrar que o consumo de qualquer quantidade de bebida alcoólica pode trazer alterações ao organismo. O material também será utilizado na triagem de condutores durante as ações de fiscalização”, afirma a instituição.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade