Publicidade

Correio Braziliense

Veículo bate em traseira de carreta na EPNB na noite de quarta

Acidente aconteceu por volta das 23h de quarta-feira. Um dos motoristas seguiu para o HBB por ter apresentado sinais de desorientação


postado em 18/01/2018 10:20 / atualizado em 18/01/2018 15:47

A suspeita, segundo bombeiros, é que o motorista estava sem o cinto de segurança(foto: CBMDF/Divulgação)
A suspeita, segundo bombeiros, é que o motorista estava sem o cinto de segurança (foto: CBMDF/Divulgação)
 
 
Um veículo colidiu na parte traseira de uma carreta na altura da Estrada Parque Núcleo Bandeirante (EPNB), sentido Samambaia. O acidente aconteceu por volta das 23h de quarta-feira (17/1). 
 
 
De acordo com informações preliminares do Corpo de Bombeiros, o homem que conduzia o carro, um peugeot 206 SW, identificado como Jorge Alan de Souza Baloni, 38 anos, chegou a bater com a cabeça no parabrisa. Apesar disso, não sofreu ferimentos. 
 
Pelo impacto da batida, a parte frontal do veículo de Jorge foi destruída. O motorista da carreta, Márcio Hamerski, 34 anos, não ficou ferido. Ainda de acordo com os bombeiros, a carreta estava carregada de sal. Márcio havia saído do Rio Grande do Norte com destino a Anápolis (GO). 
 
No total, nove militares atuaram no local. A corporação contou com uma viatura de combate a incêndio e outra para os primeiros socorros. O motorista do veículo que colidiu apresentou sinais de desorientação e foi encaminhado para o Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) para exames. 
 
A suspeita, segundo os bombeiros, é de que Jorge estava sem o cinto de segurança no momento da colisão. "Ele bateu com a cabeça no parabrisa, mas isso é apenas uma possibilidade. De qualquer forma, isso para todo o tipo de deslocamento, é imprescindível o uso do cinto de segurança", explicou Ronaldo Reis, capitão do Corpo de Bombeiros.

Acidente na EPTG

Condutores foram encaminhados ao hospital conscientes(foto: CBMDF/Divulgação)
Condutores foram encaminhados ao hospital conscientes (foto: CBMDF/Divulgação)
 
 
No início desta quinta-feira (18/1), duas motos colidiram na marginal da EPTG, próximo da base atacadista. Segundo informações dos bombeiros, os condutores Matheus Alencar Martins e Valdeir dos Santos, ambos de 23 anos, sofreram pequenos ferimentos. 
 
Cerca de 11 militares atuaram no resgate. Matheus Alencar foi encaminhado para o Hospital Regional de Taguatinga (HRT), enquanto Valdeir dos Santos seguiu para o Instituto Hospital de Base (HBB). Eles estavam conscientes. 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade