Publicidade

Correio Braziliense

No GDF, Ilda Peliz foca em repasses a programas sociais

Em cerimônia nesta quinta-feira, a idealizadora do Hospital da Criança e ex-presidente da Abrace tomou posse como secretária do Trabalho


postado em 18/01/2018 15:06 / atualizado em 18/01/2018 17:41

Durante a posse no Palácio do Buriti, a nova secretária reconheceu as dificuldades impostas pela proximidade do fim do mandato de Rodrigo Rollemberg e pelo baixo orçamento destinado à pasta(foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília)
Durante a posse no Palácio do Buriti, a nova secretária reconheceu as dificuldades impostas pela proximidade do fim do mandato de Rodrigo Rollemberg e pelo baixo orçamento destinado à pasta (foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília)
 

Reconhecida pela Câmara Legislativa como cidadã honorária de Brasília, Ilda Peliz assumiu a chefia da Secretaria de Estado de Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos (Sedestmidh) sem grandes expectativas. “Não atrasar os repasses para as instituições que já estão pactuadas com o governo: isso para mim já é uma realização.” A cerimônia aconteceu na manhã desta quinta-feira (18/1).

Leia as últimas notícias do Distrito Federal

Durante a posse no Palácio do Buriti, a nova secretária reconheceu as dificuldades impostas pela proximidade do fim do mandato de Rodrigo Rollemberg e pelo baixo orçamento destinado à pasta. "Temos pouquíssimo tempo, menos de 12 meses. Pelo menos, felizmente, nós estamos conseguindo os recursos que precisamos para, pelo menos, manter os pagamentos", afirmou referindo-se ao aporte para a pasta de R$ 35 milhões aprovado pela CLDF na última semana.

Ilda Peliz assumiu a secretaria de Trabalho, Desenvolvimento Social, Igualdade Racial e Direitos Humanos no lugar de Fátima Azevedo, que estava no cargo interinamente desde outubro de 2017. Durante a solenidade, foi empossada a nova secretária adjunta de Políticas para Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos. Joana Mello ocupou, no Governo de Brasília, os cargos de subsecretária de Políticas para a Justiça e Cidadania; subsecretaria interina de Prevenção ao Uso de Drogas; e foi presidente do Conselho de Políticas sobre Drogas.

Rollemberg elogiou o trabalho desenvolvido por Ilda Peliz durante os 22 dedicados à Abrace e afirmou que ela e Joana Mello assumem os postos em um momento melhor do que o enfrentado pelos secretários anteriores. "A gente sabe que assumir um cargo de gestão pública não é fácil, mas tenho certeza de que vocês chegam em um momento muito melhor, depois de um esforço grande de arrumação da casa", disse.

Filiada ao PSDB, Ilda afastou rótulos políticos e afirmou que aceitou o cargo por conta do seu compromisso com Brasília e que irá contribuir com o governo de forma técnica . "Minha função social está acima de qualquer coisa", reforçou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade