Publicidade

Correio Braziliense

Prata da Casa: Nova Rotina espalha a alegria do samba e do pagode pelo DF

O grupo, surgido há dois anos, grava o primeiro disco este ano


postado em 26/01/2018 18:30

O quinteto Nova Rotina: influências vão de Adoniran Barbosa a Arlindo Cruz (foto: Bárbara Cabral/CB/D.A Press)
O quinteto Nova Rotina: influências vão de Adoniran Barbosa a Arlindo Cruz (foto: Bárbara Cabral/CB/D.A Press)
 
O ritmo musical que é só sorriso, usa e abusa do termo “rapazeada” e anima festas regadas a cerveja em lajes e quintais tem um novo nome em Brasília: Nova Rotina. Há dois anos, o grupo agita bares e restaurantes do Distrito Federal com muito samba e pagode. "Nosso diferencial é que não importa a quantidade de pessoas no local. Quando tocamos juntos, é a mesma energia sempre”, garante Átila Lima, 23 anos, percussionista.

A banda está na segunda formação, que conta ainda com Raony, Adriano, Jeferson e Vinicius. “Começamos como a maioria: no boteco”, conta o também percussionista Adriano Henrique, 23. Desde então, eles buscam inspiração em artistas como Arlindo Cruz, Beth Carvalho, Zeca Pagodinho, Demônios da Garoa e Adoniran Barbosa.

Amigo dos músicos e, eventualmente, produtor, Jamin Sousa, 48 anos, é só elogios. “Meninos muito carismáticos e que atraem muita gente pelo som de qualidade”, define. A mulher de um dos integrantes, Nayara Calixto, 25, é suspeita, mas não abre mão de falar: "Sempre admirei a luta deles, que, além de ótimos músicos, possuem carisma e simpatia". A jovem elogia a musicalidade do Nova Rotina e diz que gosta especialmente das músicas românticas.    

Em meio ao cenário forte do sertanejo na capital, eles atraem os fãs de samba e pagode que buscam reviver as boas músicas. Na levada do samba, mesclam os clássicos com os novíssimos hits, cativando pessoas de todas as gerações. Mas o grupo também compõe suas próprias canções e sonham em ir longe. O primeiro CD deve ser gravado em março, com lançamento previsto primeiro para a internet.  


Estilo próprio 


Os cinco se conheceram ao frequentar o meio musical, estabeleceram laços e uma relação profissional movida pela vontade de tocar juntos. "Começou como uma brincadeira e foi evoluindo, buscando melhorar a qualidade", conta o vocalista Raony Silva, 27. "Todo mundo aqui é, desde sempre, apaixonado por samba e pagode", diz. 

E assim, os cinco seguem em busca de um estilo próprio e se reinventam a cada momento, buscando seu lugar ao sol nos churrascos e pagodes, guiados por um lema: "Vem viver essa nova rotina". 

Contatos do grupo Nova rotina

Tel.: 98502-6099/ 9848-24347 
E-mail: gruponovarotinadf@gmail.com
 
* Estagiária sob supervisão de Humberto Rezende 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade