Publicidade

Correio Braziliense

Mais de 60,5 mil pessoas vão às ruas no terceiro dia de carnaval

Os blocos que mais chamaram público foram o Galinho e o Divinas Tetas. A Polícia Civil registrou 45 crimes relacionados às festas


postado em 13/02/2018 09:56 / atualizado em 13/02/2018 15:46

Divinas Tetas arrasta amantes do tropicalismo na segunda de carnaval(foto: Luis Nova/Esp. CB/D.A Press)
Divinas Tetas arrasta amantes do tropicalismo na segunda de carnaval (foto: Luis Nova/Esp. CB/D.A Press)

O terceiro dia de carnaval levou aproximadamente 60,5 mil pessoas para curtirem a folia nas ruas da capital. De acordo com o balanço divulgado pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), não houve registro de ocorrências graves durante os eventos desta segunda-feira (12/2).  As festas que mais atraíram foliões foram o Galinho de Brasília, com aproximadamente 30 mil pessoas e o Divinas Tetas, que reuniu 20 mil foliões no Setor Bancário Norte. Em Taguatinga, o bloco Asé Dudu contou com 3 mil participantes.

 

No Plano Piloto, o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) atendeu 14 ocorrências. Para os trabalhos foram destinados 85 militares e 17 viaturas. Já em Taguatinga, não foi necessário atendimento da corporação. Na região, 15 militares e quatro viaturas foram disponibilizados. 

 

Brigas e depredação

 

Durante o desfile do Galinho, a Polícia Militar apreendeu 10 armas brancas, resultando na detenção de seis pessoas. Outras seis também foram levadas à delegacia por porte de substância entorpecente. Um cadeirante, de 29 anos, foi encaminhado à 1ª DP (Asa Sul) por carregar um revólver e cinco munições. 

 

Já na Quadra 203 Norte, uma confusão marcou o evento, quando algumas pessoas tentaram depredar um ônibus. A PMDF foi acionada e os indivíduos fugiram. Na Estação Central do Metrô-DF houve outro tumulto que foi controlado pelos policiais.

 

Após as festividades, por volta de 1h desta terça-feira (13/2), militares prenderam um homem e apreenderam quatro menores acusados de roubo de celulares e de uma bolsa durante os blocos. Eles foram localizados no Setor Comercial Sul (SCS). Os pertences foram recuperados e devolvidos aos donos. O caso foi encaminhado à 5ª DP (área central de Brasília). 

 

Ocorrências na Polícia Civil

 

Já a Polícia Civil registrou 45 crimes relacionados ao carnaval. O levantamento foi feito até às 22h de segunda-feira. Desses, foram 12 furtos, quatro roubos, uma tentativa de homicídio, dois relacionados ao trânsito, dois por lesão corporal, nove por porte de drogas, entre outros.

 

Até o encerramento dos blocos, o Departamento de Trânsito (Detran-DF), com esquema especial que contou com 150 agentes, removeu 38 veículos e autuou 38 condutores por infrações graves. De sexta até segunda, a autarquia  levou 210 veículos aos depósitos do órgão e autuou 220 condutores, sendo 74 por alcoolemia. Já a PMDF, no mesmo período, autuou 343 motoristas dirigindo sob efeito de álcool. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade