Publicidade

Correio Braziliense

Homem é preso por vender celulares falsos em Ceilândia e tenta fugir

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito, detido em flagrante, costumava praticar 10 golpes por dia. A caminho da delegacia, ele tentou fugir


postado em 23/02/2018 22:51 / atualizado em 23/02/2018 22:51

Celulares falsos eram feitos de cerâmica(foto: Divulgação/PMDF)
Celulares falsos eram feitos de cerâmica (foto: Divulgação/PMDF)

Um homem acabou preso em flagrante por comercializar peças de cerâmica no lugar de celulares. A prisão aconteceu no centro de Ceilândia, na tarde desta sexta-feira (23/2). De acordo com informações da Polícia Militar, o suspeito, de 28 anos, foi detido em uma feira da cidade. 

No momento da abordagem, o suspeito fazia uma nova vítima, que tinha pago o valor cobrado pelo celular. Os aparelhos falsos, segundo a corporação, custavam R$ 70. No carro do rapaz, militares encontraram azulejos cortados em forma retangular. 

O homem aplicava em torno de 10 golpes por dia. Após o flagrante da polícia, o falso vendedor foi encaminhado para a 23ª Delegacia de Polícia (P Sul, em Ceilândia). Em uma tentativa de fuga à caminho da delegacia, o suspeito conseguiu destravar a porta traseira da viatura. Porém, foi recapturado. O vendedor pode responder por estelionato, crime com pena de um a cinco anos de prisão, prevista no Código Penal. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade