Publicidade

Correio Braziliense

Coleta seletiva de lixo começa em oito regiões administrativas do DF

Outras duas, Lago Norte de Cruzeiro Velho, terão o serviço ampliado


postado em 26/02/2018 13:00 / atualizado em 26/02/2018 14:12

Atendimento começa a valer nesta segunda-feira (26/2)(foto: Dênio Simões/Agência Brasília)
Atendimento começa a valer nesta segunda-feira (26/2) (foto: Dênio Simões/Agência Brasília)

Oito regiões do Distrito Federal passam a receber coleta seletiva a partir desta segunda-feira (26/2). Sete cooperativas contratadas pelo Governo do do Distrito Federal vão atuar nesses locais. Além delas, o procedimento será ampliado no Lago Norte e no Cruzeiro Velho.

 

Em evento nesta manhã, no Paranoá, o governador Rodrigo Rollemberg prometeu expandir a coleta seletiva para toda a área urbana do DF até o fim do ano. "Ainda não foi possível transformar esse sonho em realidade, mas estamos nos encaminhando para isso", declarou.

 

Cada cooperativa vai receber R$ 32 mil de recursos do GDF. Além disso, serão os próprios catadores os responsáveis por fazer a coleta seletiva de casa em casa e de comércio em comércio.

 

A expectativa do Serviço de Limpeza Urbana (SLU) é de que, com as campanhas sobre reciclagem, os catadores percam menos tempo separando rejeito do lixo reciclável. "Estamos fazendo um esforço para melhorar a qualidade do lixo que chega aos galpões, mais do que a quantidade", afirma a diretora presidente do SLU, Kátia Campos.

 

Confira as regiões que recebem coleta seletiva

Paranoá 

Varjão

Lago Norte

Lago Sul 

Sobradinho

Riacho Fundo I

Riacho Fundo II 

Cruzeiro Velho

São Sebastião 

Itapoã

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade