Publicidade

Correio Braziliense

Câmara Legislativa libera R$ 100 milhões para contratação de concursados

A verba total, de R$ 471 milhões, será usada também para pagamento de precatórios e é uma abertura suplementar à Lei Orçamentária Anual, atendendo a dois projetos de lei do Executivo Local


postado em 28/02/2018 21:55 / atualizado em 28/02/2018 22:56

Após decisão dos deputados distritais de liberar a pauta - trancada para a análise dos vetos do governador Rodrigo Rollemberg (PSB) ao projeto que prevê eleições às administrações regionais - a Câmara Legislativa do DF aprovou, nesta quarta-feira (28/2), dois projetos do Executivo local para liberação de créditos suplementares à Lei Orçamentária Anual. A abertura de verba soma R$ 471 milhões, a maioria destinada ao pagamento de precatórios e mais de R$ 100 milhões servirão para nomear aprovados em concursos. 

Pela proposta inicial do PL nº 1.898/2018, a Secretaria de Fazenda receberia R$ 340 milhões para pagamento dos precatórios, ou seja, dívidas judiciais de sentenças em definitivo. Os outros R$ 9 milhões relativos ao projeto seriam destinados à Central de Abastecimento de Brasília (Ceasa). O texto foi aprovado, mas com diversas emendas parlamentares, que remanejam parte do recurso para programas de políticas públicas do GDF.

Apesar da desconfiança devido à falta de detalhamento da destinação de verba referente ao  PL nº 1.899/2018, os parlamentares decidiram aprovar também essa proposta, garantindo a liberação de mais de R$ 122 milhões. Desse montante, R$ 101 milhões são destinados a contratação de servidores para diversas áreas. Em plenário, os distritais pediram ao Executivo o envio de informações claras sobre os gastos da verba. Os dois projetos seguem para sanção ou veto do governador. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade