Publicidade

Correio Braziliense

Grupo de 30 turistas fica ilhado em cachoeira na Chapada dos Veadeiros

Após chuva, volume no rio subiu repentinamente. Ninguém se feriu, segundo o Corpo de Bombeiros de Goiás


postado em 01/04/2018 15:14 / atualizado em 01/04/2018 19:43

Grupo foi pego de surpresa pelo aumento do volume do rio(foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros de Goiás)
Grupo foi pego de surpresa pelo aumento do volume do rio (foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros de Goiás)

 
Uma forte chuva deixou um grupo de 30 turistas ilhados na Cachoeira Veredas, em Cavalcante (GO), na Chapada dos Veadeiros, distante 230km de Brasília. Segundo informações do Corpo de Bombeiros de Goiás, o grupo ficou preso após a tempestade atingir a cabeceira do rio.

Os turistas atravessaram o rio na manhã do último sábado (31/3) para chegar até a cachoeira. De acordo com os bombeiros, quando eles tentaram voltar, foram pegos de surpresa pelo aumento do volume do rio, impedindo a passagem do grupo.

Para realizar o resgate, os militares utilizaram cabos, coletes e um equipamento que flutua sobre a água, conhecido como life belt, uma espécie de boia. Todas as vítimas foram resgatadas sem ferimentos. A identidade e o local de origem dos turistas não foram divulgados. 
  
Correnteza na hora do resgate dos turistas: susto(foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros de Goiás)
Correnteza na hora do resgate dos turistas: susto (foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros de Goiás)
Devido à forte correnteza, os bombeiros usaram cabos para ligar as duas margens do rio e fazer com que todos conseguissem atravessar em segurança e continuassem o percurso. 
 
A  Cachoeira Veredas fica a 5km de distância da cidade de Cavalcante (GO), na região norte da Chapada dos Veaderios. Formada por dentro de um cânion, a queda d'água tem 90 metros de altura com um grande poço.
 
Segundo o Corpo de Bombeiros, a visitação aos atrativos naturais da região durante as chuvas, principalmente cachoeiras e saltos, requer cuidados especiais. O turista deve evitar locais com correnteza e banhos em horários de chuva forte.
 
Por causa do relevo acidentado, a águas escoa rapidamente nas cabeceiras dos rios e pode provocar as temidas trombas d'água, surpreendendo os banhistas com a elevação repentina dos níveis. 
 
Região é muito procurada por turistas de Brasília: passeios ecológicos e esotéricos(foto: Breno Fortes/CB/D.A Press)
Região é muito procurada por turistas de Brasília: passeios ecológicos e esotéricos (foto: Breno Fortes/CB/D.A Press)
A região é muito procurada por turistas. Lá, existem ao menos sete cachoeiras, além de pousadas, área de camping, piscinas e restaurantes. A Chapada dos Veadeiros recebe, em média, 450 turistas por dia. 
  
Brasília é um das cidades de onde mais partecem turistas rumo à região da Chapada. Além de passeios ecológicos, o local oferece experiências esotéricas e místicas. O destino também é conhecido pela vida noturna e agitação dos bares. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade