Publicidade

Correio Braziliense

Motociclista é preso alcoolizado, sem carteira e dirigindo na contramão

A moto do homem acabou apreendida por estar com o chassi raspado. No momento da abordagem ele levava uma mulher na garupa e já tinha deixado o marido dela na Barragem do Descoberto


postado em 09/05/2018 12:24 / atualizado em 09/05/2018 12:32

(foto: Divulgação/PRF)
(foto: Divulgação/PRF)
 
 
Um homem de 27 anos foi preso em flagrante na BR-070, na altura da barragem do Rio Descoberto, por dirigir alcoolizado e na contramão. O teste do bafômetro apontou o teor alcoólico de 1,17 mg/l, quando a tolerância é zero e a partir de 0,3, é considerado crime. A moto estava com chassi raspado acabou apreendida por adulteração. O caso ocorreu na segunda-feira (7/5) e ele foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Águas Lindas de Goiás.
 
Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizavam uma fiscalização quando fizeram a abordagem. De acordo com informações da corporação, o homem trafegou cerca de 550 metros na contramão, antes de ser parado. Em uma conversa com os policiais, o piloto estava como a voz arrastada, odor de bebida e cambaleante. Ele também não tinha a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
 
O motorista alegou que estava levando um casal para a Barragem do Rio Descoberto. Ele já havia deixado o homem no destino e, na hora da abordagem, levava a mulher na garupa. Questionado sobre o que havia ingerido, o homem disse ter consumido cerveja e que vendia produtos na feira de Samambaia. 

Segundo caso

Em 9 de janeiro, o motorista de 27 anos trafegava na contramão na BR-020, próximo à divisa em Brasília e Formosa (GO). Populares informaram à PRF, por meio do 191, alegando que o homem havia saído de um restaurante na beira da rodovia. Ele foi abordado e preso por dirigir alcoolizado e na contramão. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade