Publicidade

Correio Braziliense

PM prende suspeito de roubar baterias em torre de celular em Sobradinho

As baterias foram subtraídas de uma torre da operadora Oi e podem custar até R$ 4 mil


postado em 13/07/2018 20:35 / atualizado em 13/07/2018 20:34

O acusado foi levado para a 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho) e será indiciado pelo crime de receptação(foto: PMDF/Divulgação)
O acusado foi levado para a 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho) e será indiciado pelo crime de receptação (foto: PMDF/Divulgação)
Após receber uma denúncia de negociação ilegal em Sobradinho, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) prendeu um homem que tentava vender baterias de gel furtadas de uma torre de celular da Oi.

O suspeito foi encontrado no estacionamento do Atacadão Dia a Dia e preso pela equipe do Grupo de Operações Táticas 13 (GTOP 13). 

O acusado foi levado para a 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho) e será indiciado pelo crime de receptação, podendo pegar de um a quatro anos de reclusão e multa. Poderá também ser enquadrado por furto, a depender dos resultados da investigação. 
 
Segundo o Major Michello, chefe da Comunicação da Polícia Militar, esse tipo de bateria não é vendida no mercado e, normalmente, é usada na alimentação de sons automotivos após o furto. “É um tipo de bateria bem mais cara. Pode custar de R$ 2 mil a R$ 4 mil”, informou.
As baterias de gel apreendidas em operação da PMDF(foto: PMDF/Divulgação )
As baterias de gel apreendidas em operação da PMDF (foto: PMDF/Divulgação )

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade