Publicidade

Correio Braziliense

Crianças são levadas ao hospital por inalar fumaça de incêndio em Ceilândia

Corpo de Bombeiros resgatou quatro pessoas no local do acidente, um edifício em Ceilândia, entre elas as duas crianças, de 9 meses e 2 anos


postado em 24/08/2018 20:51 / atualizado em 24/08/2018 20:52

Um dos apartamentos do edifício de três andares pegou fogo. Ninguém estava dentro da casa, mas vizinhos inalaram fumaça(foto: CBMDF/Divulgação)
Um dos apartamentos do edifício de três andares pegou fogo. Ninguém estava dentro da casa, mas vizinhos inalaram fumaça (foto: CBMDF/Divulgação)

O Corpo de Bombeiros do DF foi acionado por volta das 14h20 desta sexta-feira (24/8) para conter um incêndio em um apartamento de Ceilândia. O fogo atingiu uma das residências do primeiro andar de um edifício de três pavimentos, localizado na Quadra 3 do complexo de condomínios do Pró-DF. Apesar de a casa estar vazia no momento do acidente, os vizinhos sofreram com a fumaça. 

Os militares chegaram ao local com seis viaturas e tiveram apoio da Polícia Militar. Quatro pessoas foram resgatadas, entre elas duas crianças que foram levadas ao Hospital Regional de Ceilândia. As vítimas, uma de 9 meses e a outra de 2 anos, levadas ao hospital, inalaram muita fumaça, porém estavam conscientes e estáveis.

Segundo o sargento Raimundo Carlos da Silva, que atuou no combate às chamas, os proprietários chegaram ao local após o fogo ser contido. “A família ficou muito abalada ao perceber a dimensão do dano e foi orientada a não entrar na casa para não comprometer o trabalho da perícia”, informou o bombeiro. 

A perícia será feita para indicar as causas do incêndio.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade