Publicidade

Correio Braziliense

Motorista que causou acidente com morte é condenado por homicídio culposo

O réu já tinha recebido, anteriormente, a sentença de dois anos de detenção em regime aberto, mantida agora pela 3ª Turma do TJDFT


postado em 30/08/2018 15:45 / atualizado em 30/08/2018 22:59

(foto: Thiago Fagundes/CB/D.A Press)
(foto: Thiago Fagundes/CB/D.A Press)
Um condutor que provocou acidente com morte foi considerado culpado pelo crime de homicídio culposo (sem intenção de matar) pela 3ª Turma Criminal do Tribunal de Justiça do DF (TJDFT). O homem foi acusado pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) de condução imprudente que culminou na morte de Marivaldo Pereira da Gama, que seguia no banco do carona. Segundo o pedido condenatório, o motorista trafegava em velocidade superior à permitida na via.

O réu já havia recebido a sentença de dois anos de detenção em regime aberto, além da suspensão do direito de dirigir durante dois meses, pelo juiz substituto da 2ª Vara Criminal de Santa Maria. A determinação segue o disposto no artigo 302, do Código de Trânsito Brasileiro (Lei nº 9.503/97). 

Em sua defesa, o motorista apresentou recurso requerendo absolvição, com argumento de não ter faltado com seu dever de cuidado objetivo, pois a velocidade da via foi respeitada e o acidente foi causado por um problema no sistema de freio do veículo. Entretanto, neste novo julgamento, em segunda instância, o recurso não foi acatado e e sentença, mantida integralmente. 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade