Publicidade

Correio Braziliense

PM apreende produtos furtados de agropecuária do Paranoá

Policiais identificaram o suspeito por meio de câmera de segurança. Ao chegaram à casa dele, o homem fugiu


postado em 04/09/2018 17:15 / atualizado em 04/09/2018 17:16

Homem arrombou telhado e porta para ter acesso à agropecuária(foto: Divulgação/PMDF)
Homem arrombou telhado e porta para ter acesso à agropecuária (foto: Divulgação/PMDF)
Um dia após o furto de uma agropecuária no Paranoá, a Polícia Militar conseguiu apreender, nesta terça-feira (4/9), os objetos levados do estabelecimento. Os materiais foram encontrados na residência do acusado, em uma chácara da região administrativa. Ele conseguiu fugir. A 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá) investiga o caso e procura o suspeito. 
 
O furto ocorreu na segunda-feira (3), em uma loja localizada na DF-130, quilômetro 33 do Núcleo Rural Café Sem Troco. O homem arrombou o telhado e uma porta para ter acesso à agropecuária. Dentro do estabelecimento, a ação dele foi filmada por câmeras de segurança (veja vídeo abaixo). As imagens o mostram colocando os objetos em sacos pretos antes de levá-los. O suspeito foi identificado por meio do vídeo.
 

 
Por volta das 10h desta terça-feira (4), militares foram até o local apontado como o endereço do homem. Na chácara, o pai do acusado atendeu os policiais e permitiu a entrada deles. O suspeito teria aproveitado este momento para fugir, e não foi encontrado até a mais recente atualização desta reportagem. 
 
No quarto dele, a PM encontrou parte dos objetos furtados: uma bomba d'água, inseticidas, vermicidas, lanternas, além das roupas e da bicicleta utilizada por ele para cometer o crime. Os militares não localizaram, entretanto, duas bombas e um notebook, que também foram levados. 
 
Os materiais foram encaminhados até a 6ª DP, unidade responsável pela investigação do suspeito. O proprietário do estabelecimento compareceu à delegacia, reconheceu os objetos e teve os bens restituídos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade