Publicidade

Correio Braziliense

Falso policial civil é preso após tentar tirar visto americano

O homem apresentou documentos falsos na Embaixada dos Estados Unidos e justificou que estava sendo ameaçado para conseguir o visto


postado em 12/09/2018 20:10 / atualizado em 12/09/2018 22:52

O suspeito apresentou uma falsa documentação de policial civil(foto: PCDF/Divulgação)
O suspeito apresentou uma falsa documentação de policial civil (foto: PCDF/Divulgação)

Um homem de 35 anos que se passava por policial civil foi preso, nesta quarta-feira (12/9), depois de apresentar documentos falsos durante uma entrevista para obter visto na Embaixada dos Estados Unidos. Deyvid Charles Magalhães Costa foi detido do lado de fora do local e levado para a 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul). 

De acordo com os investigadores, o suspeito se apresentou como policial civil da 5ª Delegacia de Polícia de Goiás e, como justificativa para conseguir o visto americano, alegou estar sendo ameaçado e que, por isso, precisava sair do país.
 
"Os agentes diplomáticos suspeitaram da ação do autor e entraram em contato com a delegacia. Acionamos a polícia de Goiás e de pronto tivemos a informação que ele não pertencia à corporação", detalhou o delegado-chefe da 1 ª DP, João de Ataliba. O suspeito estava com a mulher e dois filhos no momento da abordagem.  

Além de não ser agente, o homem tem passagem por tráfico de drogas, crime cometido em Goiânia. Ele trabalhava como motorista de aplicativo. A pena por porte de documentos falsos varia de 2 a 6 anos de prisão. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade