Publicidade

Correio Braziliense

Homem é detido após chamar caixa de supermercado de 'negra incompetente'

Esta é a segunda vez que o mesmo homem é acusado de injúria racial


postado em 13/09/2018 10:55 / atualizado em 14/09/2018 15:29

(foto: Editoria de Arte/CB/D.A Press)
(foto: Editoria de Arte/CB/D.A Press)
A polícia prendeu, nesta quinta-feira (13/9), um homem acusado de racismo em um supermercado na 402 Sul. O cliente, de 55 anos, entrou no estabelecimento de madrugada e chamou uma caixa de "negra incompetente". 

A vítima chamou a Polícia Militar, e o homem fugiu. Quando os policiais chegaram ao local, colheram depoimentos e saíram em busca do autor, encontrado na quadra vizinha. Os dois envolvidos foram encaminhados para a 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul). Uma testemunha confirmou as ofensas e o agressor foi preso em flagrante pelo crime de injúria racial.

Na DP, foi arbitrada uma fiança de R$ 3 mil e o acusado assinou um termo de compromisso de comparecimento à Justiça, sendo liberado em seguida. Segundo a mulher, o mesmo homem já a havia ofendido de forma racista uma semana atrás, em 3 de setembro. Na ocasião, ela registrou boletim de ocorrência na delegacia eletrônica.
 
A rede Carrefour, onde a vítima trabalha, se manifestou em nota. "A rede informa que, assim que tomou conhecimento dos fatos, acionou imediatamente as autoridades competentes para conduzir a situação, dando todo suporte necessário à colaboradora agredida pelo cliente. A empresa, que permanece à disposição das autoridades para auxiliar com as investigações, reforça que repudia veemente qualquer tipo de discriminação, tendo como um dos seus principais pilares valorizar a diversidade", informou. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade