Publicidade

Correio Braziliense

Mulher ateia fogo e agride marido com faca após briga em Riacho Fundo II

Vítima sofreu queimaduras graves.


postado em 17/09/2018 11:00 / atualizado em 17/09/2018 15:01

A mulher, de 22 anos, além de queimar o marido, ainda o feriu com golpes de faca(foto: PMDF/Divulgação)
A mulher, de 22 anos, além de queimar o marido, ainda o feriu com golpes de faca (foto: PMDF/Divulgação)
Um homem de 29 anos teve o corpo queimado pela própria esposa na madrugada desta segunda (17), no Riacho Fundo II. A mulher, de 22 anos, jogou álcool no esposo e depois ateou fogo com um isqueiro. Após ter sido acionada por testemunhas, a equipe da PM encontrou o homem na casa de um vizinho rolando de dor no chão, com várias queimaduras e ferimentos à faca. A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e atendeu o rapaz ainda no local
 
Os socorristas levaram a vítima para o Hospital Regional da Asa Norte (Hran). Ao entrar na casa do casal, os PMs perceberam que a esposa também estava ferida. De acordo com a jovem, o marido pegou uma faca e começou a riscar seu braço e seu pescoço e que mesmo ela pedindo para parar, ele continuou. Então ela foi até o quarto , derramou álcool no companheiro e ateou fogo. Ela foi encaminhada à 27ª Delegacia de Polícia (Recanto das Emas), onde permanece presa. 

Após investigação, a Polícia Civil confirmou que já haviam ocorrências anteriores contra a mulher, numa delas a esposa teria dito "se você se separar de mim, eu te mato". Já em outra ocorrência, o marido já havia afirmado que a mulher tinha o hábito de se auto lesionar para incriminá-lo.

A Polícia Civil confirmou que "todos os elementos de informação convergem no sentido de que ela atentou contra a vida de seu companheiro de maneira cruel". A corporação disse ainda que ao tentar contra a vida do marido, a acusada também colocou em risco a vida do filho do casal. A equipe policial apreendeu a faca utilizada pela mulher. A mulher poderá ser autuada por tentativa de homicídio qualificado. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade