Publicidade

Correio Braziliense

Rollemberg busca apoio de militares e apresenta novo plano de carreira

Após Sinpol declarar apoio a Rogério Rosso (PSD), governador tenta convencer eleitorado com compromissos para policiais militares e bombeiros


postado em 22/09/2018 11:12

(foto: Bárbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Bárbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
 
O governador Rodrigo Rollemberg (PSB) iniciou a campanha de reeleição deste sábado (22/9) em evento com as forças de segurança do Distrito Federal. Acompanhado do número dois da chapa, Eduardo Brandão (PV), Leila do Vôlei (PSB), líder de pesquisa na disputa pelo Senado, e do candidato a deputado federal Marcos Dantas (PSB), o governador apresentou proposta de plano de carreira para a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiro em ginásio do Cruzeiro. 

O candidato à reeleição tenta diálogo com as forças de segurança militar semanas após o Sindicato dos Policiais Civis do DF (Sinpol/DF) declarar apoio a Rogério Rosso (PSD). O plano de carreira apresentado pelo socialista inclui que PMs e bombeiros cheguem ao topo da carreira com 15 anos de serviço, e a estabilidade no cargo ocorreria com três anos de serviço, em vez dos 10 anos previstos atualmente. 

O governador assumiu também compromisso de reajuste dos valores do serviço voluntário gratificado e tratamento igualitário e os mesmos índices de reajuste para todos os órgãos da segurança pública. “O soldado e o cabo passam muitos anos sem promoção,  o que sempre considerei uma injustiça. Outra injustiça era a estabilidade ser atingida nas carreiras apenas após 10 anos de serviços, enquanto em outras categorias é bem menor. Por isso vamos diminuir para três anos”, explicou o governador. 

Rollemberg comentou também a situação dos aprovados em concursos. “Chamamos duas turmas de aprovados no concurso do Corpo de Bombeiros, o que deu um pouco mais de 700 bombeiros, e ano que vem vamos chamar pelo menos mais duas”, pontuou. Em relação à Polícia Civil, Rollemberg garantiu que um novo concurso já foi autorizado e que está cumprindo o cronograma de contratações para a categoria, especialmente para delegados e peritos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade