Publicidade

Correio Braziliense

Corpo de mulher de 21 anos é encontrado atrás do Parque Olhos d'Àgua

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, a vítima foi encontrada com marcas de tiros


postado em 26/09/2018 10:38 / atualizado em 26/09/2018 11:26

Perícia foi até o local investigar a logística do crime(foto: Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)
Perícia foi até o local investigar a logística do crime (foto: Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)


Uma jovem de 21 anos foi encontrada morta numa mata atrás do Parque Olhos d’Água, no fim da Asa Norte, na manhã desta quarta-feira (26/9). De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, Lauryelle Máximo Moreira estava com marcas de tiros. 

Os militares informaram que o companheiro dela teria acionado a corporação após perceber que ela havia "desaparecido no parque". Ele ainda contou que teria escutado barulhos de tiros. Lauryelle e o companheiro, que não teve o nome divulgado ainda, vivem num barraco na mata entre a L2 e a Universidade de Brasília. 
 
Os bombeiros iniciaram as buscas por volta das 20h dessa terça-feira (25/9), mas precisaram cancelar por causa da "escuridão e falta de informações". Por volta das 9h desta quarta (26/9), eles reiniciaram a procura pela mulher e, com auxílio de cães farejadores, encontraram o corpo. 

Um policial militar com quem a reportagem conversou disse que a jovem estava nua e com marcas de pelo menos 10 tiros. O corpo ainda no local aguardando perícia da Polícia Civil. 

Cães farejadores ajudaram na busca(foto: Divulgação/CBMDF)
Cães farejadores ajudaram na busca (foto: Divulgação/CBMDF)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade