Publicidade

Correio Braziliense

Um homem morre e outro fica ferido após serem baleados, em Sobradinho

O homem que morreu foi jogado de um veículo em movimento, enquanto o outro fugiu a pé. O motorista do carro fugiu e não foi encontrado


postado em 03/10/2018 18:40 / atualizado em 03/10/2018 23:21

Tiroteio em carro em Sobradinho mata um homem e deixa outro ferido(foto: Fernando Lopes/CB/D.A Press)
Tiroteio em carro em Sobradinho mata um homem e deixa outro ferido (foto: Fernando Lopes/CB/D.A Press)
 
Um homem morreu e outro ficou ferido após os dois serem atingidos por disparos de arma de fogo. Eles estavam em um Fiat Mobi, na BR-020, altura da Home Center Rezende em Sobradinho, quando foram baleados. Uma das vítimas foi jogada na rodovia e a outra, fugiu a pé. Um terceiro envolvido, que estava na direção do carro, fugiu do local. A 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho) investiga o caso. 
 
Segundo relatos de testemunhas para a Polícia Militar (PM), três homens estavam dentro de um veículo quando os disparos de arma de fogo começaram. Poucos momentos depois, um dos homens, que estava bastante ferido, foi jogado para fora do carro. Douglas Souza Ribeiro, 27 anos, não resistiu aos ferimentos e faleceu no local. A vítima tem passagem na polícia por homicídio e havia saído do sistema prisional na terça-feira (2/10).
 
O segundo ocupante do carro fugiu a pé e foi encontrado ferido próximo ao local do crime pelo Corpo de Bombeiros. Rangel Rocha e Silva, 23, recebeu atendimento e foi encaminhado ao Hospital de Sobradinho. Ele ficou internado na unidade sob custódia da Polícia Civil. O estado de saúde do homem não foi divulgado. O homem tem ficha criminal por roubo, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e receptação. 
 
O motorista do Fiat fugiu com o automóvel e não foi encontrado. Segundo a Comunicação da PM, o carro utilizado não é roubado ou furtado, e era conduzido pelo irmão do homem que faleceu. Militares conseguiram encontrar o veículo no Paranoá e, no interior dele, havia munições. O proprietário nega participação no crime, mas alega que emprestou o veículo para o irmão da vítima que faleceu. Ele foi levado para a delegacia, onde prestará esclarecimentos.


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade