Publicidade

Correio Braziliense

Presos cavam túnel e tentam fuga em presídio de Luziânia, no Entorno do DF

Agentes descobriram um túnel de saída na Ala A do presídio, o que gerou o início de um motim. A PMGO teve de agir para auxiliar a controlar a situação na unidade


postado em 07/10/2018 15:57 / atualizado em 07/10/2018 15:58

Presidiários do Centro de Progressão de Pena (CPP) de Luziânia tentaram uma fuga, na noite de sábado (6/10). Após agentes penitenciários descobrirem o local, houve um início de motim, que foi controlado. Policiais militares do Goiás tiveram de ir até a unidade para restabelecer a ordem e evitar nova rebelião.

De acordo com informações da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), agentes descobriram um túnel cavado na Cela 6 da Ala A do presídio, onde estavam os detentos Romário Carvalho e Fernando Rocha.

Depois da descoberta do túnel, os presos começaram um motim nas Alas A e C. Nesta última, os agentes tiveram de efetuar disparos com munição não-letal para controlar a situação.

A situação na unidade prisional foi normalizada ainda no sábado, com o auxílio da Polícia Militar de Goiás, que permaneceu no local para manter a ordem e evitar nova rebelião.
 
Em decorrência do túnel na Cela 6, os dois presos que estavam no local tiveram de ser transferidos para a unidade prisional de Valparaíso de Goiás. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade