Publicidade

Correio Braziliense

Homem armado rende funcionária e rouba drogaria no Gama

"Não grita e não se alarma. Se não, eu atiro", disse o assaltante à mulher. O suspeito ainda não foi identificado


postado em 07/11/2018 19:07 / atualizado em 07/11/2018 20:07

A funcionária estava sozinha quando foi rendida pelo suspeito(foto: Divulgação)
A funcionária estava sozinha quando foi rendida pelo suspeito (foto: Divulgação)

 

"Não grita e não se alarma. Se não, eu atiro". Essas foram as palavras ouvidas pela funcionária de uma drogaria, na rodoviária do Gama, na noite de 24 de outubro. Ela estava sozinha no estabelecimento quando o suspeito entrou, fingindo ser um cliente. A ação ficou registrada nas câmeras de segurança do local.  
 
A vítima estava sozinha na drogaria, quando o suspeito entrou, fazendo perguntas sobre o preço de alguns itens. A mulher estava no balcão de atendimento quando, ao se aproximar, o homem lhe mostrou a arma na cintura, anunciando o assalto.
 
O homem teria digo que não queria objetos do local, que tratava-se de um assalto, e ele queria saber onde ficava o caixa. A mulher acompanhou o homem, que, para lhe intimidar, mostrou novamente a arma. Segundo depoimento dela, o bandido chegou a engatilhar o revólver. Assustada, a funcionária da farmácia recolhe o dinheiro e entrega ao homem, que deixa o estabelecimento.

Até a última atualização desta reportagem, o suspeito ainda não havia sido identificado. A 14ª Delegacia de Polícia (Gama) investiga o crime. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade