Publicidade

Correio Braziliense

Cachorro morre após ataque de outro cão e dono deverá ser indenizado

O estabelecimento terá que pagar uma indenização de R$ 4,6 mil ao dono do cachorro que morreu


postado em 12/12/2018 13:03 / atualizado em 12/12/2018 13:04

(foto: Danilson Carvalho/CB/D.A Press)
(foto: Danilson Carvalho/CB/D.A Press)
A Justiça do Distrito Federal condenou uma clínica veterinária a pagar uma indenização de R$ 4,6 mil por danos morais e materiais ao dono de um cachorro. O cão da raça staffordshire morreu após sofrer ataque de outro, da raça buldogue, que estava sob responsabilidade do estabelecimento. O animal teria fugido.

A juíza titular do 2º Juizado Especial de Brasília, Margareth Christina Becker, constatou que houve negligência da clínica quanto ao dever de guarda e vigilância do animal que estava sob seus cuidados. Para a magistrada, “o fato denunciado, que poderia ter sido evitado pela ré, ocasionou a perda do animal de estimação do autor, o qual experimentou a dor e sofrimento, sentimentos negativos que são passíveis de indenização”.

Como os donos do estabelecimento não conseguiram comprovar que não tinham responsabilidade no fato, cabem indenizações por danos morais (R$ 2,6 mil) e materiais (R$ 2 mil). A clínica tem até 15 dias para efetuar o pagamento. Cabe recurso.

Com informações do TJDFT
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade