Publicidade

Correio Braziliense

Homem é condenado a 16 anos de prisão após tentar matar a tia

Fábio de Souza veio da Bahia e morava com a idosa, de 69 anos, no Setor Leste


postado em 16/01/2019 13:00 / atualizado em 16/01/2019 17:36

(foto: Kleber Sales/CB/D.A Press)
(foto: Kleber Sales/CB/D.A Press)

Um rapaz foi condenado, na última terça-feira (15/1), a 16 anos de prisão, pelo Tribunal do Júri do Gama, por tentar matar a própria tia, de 69 anos. Fábio de Souza vai cumprir a pena, inicialmente, em regime fechado e não poderá recorrer da sentença em liberdade.

 

Fábio foi sentenciado com incidência de quatro qualificadoras, sendo elas motivo fútil, meio cruel, uso de recurso que dificultou a defesa da vítima e feminicídio. Além da pena de restrição de liberdade, ele foi condenado a pagar as custas processuais e de indenização por danos morais no valor de R$ 5 mil, decorrente da violação à integridade física da vítima, no contexto de violência doméstica.

O crime

Após ser repreendido pela tia, Fábio de Souza, que veio da Bahia para morar com a idosa, estava embriagado e tentou matá-la. O agressor jogou a tia no chão e deu chutes e estocadas de um instrumento semelhante a uma faca na vítima. O crime ocorreu em 16 de junho de 2018, por volta das 2h, no Setor Leste do Gama.

 

A idosa foi levada ao Hospital Regional do Gama, inconsciente. Ela permaneceu internada por quase sete meses. Além disso, passou a se locomover em cadeira de rodas e com o auxílio de terceiros. A vítima era responsável, ainda, pela assistência do marido, que é diabético e tem a saúde debilitada por causa de um AVC. Fábio foi preso em flagrante quando retornou à residência da vítima. 


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade