Publicidade

Correio Braziliense

Padeiro é feito refém durante assalto em Ceilândia e libertado por PMs

Comerciantes relatam que o grupo havia cometido outros assaltos na cidade. Na madrugada desta segunda (21/1), refém conseguiu chamar a Polícia Militar


postado em 21/01/2019 19:54 / atualizado em 21/01/2019 19:54

Trio detido cometia crimes em estabelecimentos de Ceilândia à noite(foto: Reprodução)
Trio detido cometia crimes em estabelecimentos de Ceilândia à noite (foto: Reprodução)
A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) prendeu em flagrante, na madrugada desta segunda-feira (21/1), duas pessoas e apreendeu um menor de idade por terem roubado uma padaria, em Ceilândia Norte. 

Vídeos gravados pelas câmeras de segurança mostram os três assaltantes entrando no estabelecimento, localizado na QNP 13 de Ceilândia Norte, às 4h45. Os suspeitos renderam o padeiro e, empunhando facas, circulavam pela padaria pegando refrigerantes e bolos.

"Já estávamos patrulhando pela região quando recebemos o chamado pelo 190. Foi o próprio padeiro, a vítima do caso, que percebeu a movimentação estranha e ligou para a PMDF", conta o sargeto Celso Carneiro, que atuou na ocorrência.

Os militares entraram na padaria por volta das 4h50 e encontraram o padeiro refém e os suspeitos no local. "Quando chegamos, a porta estava entreaberta. Vimos qual era a situação, identificamos duas facas nas mãos dos assaltates, cada uma com uns 50 centímetros, e decidimos entrar", detalha.

Os dois maiores de idade foram encaminhados para a 24ª Delegacia de Polícia (Ceilândia) e o menor, levado à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) 2, em Taguatinga.

Em conversa com a PMDF, os empregados da padaria contaram que esta foi a segunda vez neste ano que o grupo rouba o estabelecimento comercial. Outros comerciantes da proximidade ainda reconheceram o trio como suspeito de outros roubos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade