Publicidade

Correio Braziliense

GDF bloqueia 30% do valor dos cargos comissionados vagos

Decreto não atinge Saúde, Educação, PM, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros


postado em 22/01/2019 12:21 / atualizado em 22/01/2019 19:03

Praça do Buriti(foto: Wallace Martins/Esp. CB/D.A Press)
Praça do Buriti (foto: Wallace Martins/Esp. CB/D.A Press)
O Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, assinou um decreto que alterou a remuneração dos cargos comissionados. O Decreto nº 39.634, de 21 de janeiro, bloqueou 30% do valor dos cargos na estrutura dos órgãos da Administração Direta, Autárquica e Fundacional do Distrito Federal.

Nesta decisão, não serão afetados funcionários da Secretaria de Saúde, Educação, PM, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros. "O saldo financeiro dos cargos bloqueados na forma do artigo anterior passa a compor o Banco de Cargos e Funções administrado pela Secretaria de Estado de Fazenda, Planejamento, Orçamento e Gestão do Distrito Federal", diz o Artigo 2º do Decreto publicado no Diário Oficial do DF
 
De acordo com o decreto, a secretaria também ficará responsável por publicar a relação dos cargos comissionados bloqueados, no prazo de 30 dias, e por decidir sobre eventuais excepcionalidades. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade