Publicidade

Correio Braziliense

PM pede doação de sangue para militares feridos em acidente de trânsito

O sargento Leandro Caixeta e o soldado André Bonfim sofreram um acidente de carro enquanto se deslocavam para atender uma ocorrência no Jardim Ingá (GO). Eles estão internados na UTI do Hospital de Base


postado em 29/01/2019 18:16 / atualizado em 01/02/2019 11:24

(foto: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)

 

Para salvar as vidas de dois policiais militares, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e a de Goiás (PMGO) lançaram uma campanha de mobilização para doação de sangue. O sargento Leandro Caixeta e o soldado André Bonfim estavam se deslocando para atender uma ocorrência no Jardim Ingá, Entorno do Distrito Federal, a cerca de 46km do Plano Piloto, quando sofreram um acidente de carro. Os outros dois militares que estavam no veículo tiveram apenas ferimentos leves. 

 

Segundo o tenente-coronel Pascoal, da PMGO, o acidente aconteceu na última segunda-feira (28/1), por volta das 19h. O sargento e o soldado foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros do DF e transportados de helicóptero para o Hospital de Base, onde passaram por cirurgias. 

 

O sargento Leandro Caixeta necessitava de procedimentos cirúrgicos no baço e no crânio, mas, devido a complicações na primeira cirurgia, não chegou a passar pela segunda intervenção. O estado dele é gravíssimo. Já o soldado André Bonfim está estável e foi autorizado a ser transferido para a UTI de uma unidade hospitalar conveniada. 

 

“Eles perderam muito sangue no acidente e durante as cirurgias, por isso, os policiais estão lançando essa campanha de doação para os dois e, também, para repor o que foi utilizado do estoque do Hospital de Base”, explicou Pascoal, que lamentou o ocorrido. “Eles estavam se deslocando em ocorrência e foi uma tragédia isso que aconteceu com nossos irmãos. Então, todo mundo está comovido e se mobilizando.”

 

As doações de qualquer tipo sanguíneo devem ser feitas na Fundação Hemocentro de Brasília.

 

Condições para doar:

 

  • Ter entre 16 e 69 anos de idade (Menor de 18 anos deve apresentar o formulário de autorização e cópia do documento de identidade com foto do pai, mãe ou tutor/guardião);
  • Pesar mais de 51kg e ter IMC maior ou igual a 18,5 (descontar o vestuário);
  • Não estar em uso de medicamentos;
  • Apresentar documento oficial com foto (original ou cópia autenticada em cartório), em bom estado de conservação e dentro do prazo de validade;* 
  • Dormir pelo menos seis horas, com qualidade, na noite anterior à doação;
  • Não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação;
  • Não fumar duas horas antes da doação.

 

*Documentos aceitos: Carteira de Identidade, Carteira de Trabalho, Certificado de Reservista, Carteira Nacional de Habilitação, passaporte, carteira profissional emitida por classe ou carteira do doador da FHB. Não são aceitos crachás funcionais nem carteiras estudantis.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade