Publicidade

Correio Braziliense

Homem é detido suspeito de exploração sexual infantil em Planaltina

Durante a abordagem da PRF, o acusado disse que era primo da menina, mas não soube dar qualquer informação da família. Polícia apura se a mãe marcou o encontro


postado em 31/01/2019 15:33 / atualizado em 31/01/2019 15:32

(foto: Ronaldo de Oliveira/CB/D.A Press)
(foto: Ronaldo de Oliveira/CB/D.A Press)

Um homem foi detido, na noite de terça-feira (29/1), acusado de explorar sexualmente uma adolescente de 14 anos. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o abusador estava com a menor dentro de um carro, na BR-020, quando foi abordado. Ele e a vítima não têm grau de parentesco e, de acordo com informações da corporação, a mãe da menina teria marcado o encontro entre os dois.

 

A abordagem de agentes da PRF ocorreu no posto da PRF que fica na altura de Planaltina. Suspeito e vítima desceram do veículo e foram questionados pelos policiais sobre o que faziam ali. O homem disse que era primo da adolescente, contudo, não souber dizer o nome da mãe da garota ou qualquer informação sobre a menina. 

 

A jovem alegou que o homem era tio dela, mas também foi confrontada pelos policiais quando questionada onde o homem morava. Os dois informaram aos policiais que o destino final da viagem era o município baiano de São Félix do Coribe, na Bahia. 

 

De acordo com a PRF, o homem e a adolescente teriam mostrado, voluntariamente, conversas em um aplicativo de mensagem no celular do acusado. O motorista tinha o contato da suposta mãe da vítima, gravado como "BAR". Na foto, a imagem de uma mulher em pose insunuante. No aparelho da menina, o número era o mesmo. A mulher enviava inúmeros xingamentos para a adolescente. 

 

Ambos foram encaminhados para a delegacia de polícia, para apurar a suspeita de exploração sexual da adolescente e a situação de vulnerabilidade e risco social. A mulher indicada como a mãe dela foi contatada pelo celular, mas não atendeu as ligações.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade