Publicidade

Correio Braziliense

Foliões lotam estacionamento do Mané para curtir Raparigueiros

Estimativa da Secretaria de Segurança é de que 150 mil pessoas participem da festa, que termina à 0h.


postado em 03/03/2019 17:49 / atualizado em 03/03/2019 20:50

O bloco se concentra no estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha e deve desfilar pelo Eixo Monumental(foto: Augusto Fernandes/Esp. CB/D.A. Press)
O bloco se concentra no estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha e deve desfilar pelo Eixo Monumental (foto: Augusto Fernandes/Esp. CB/D.A. Press)
Um dos blocos mais populares da capital, o Raparigueiros reúne, neste domingo (3/3), milhares de foliões no Eixo Monumental. A festividade ocorre até 0h e deve receber 150 mil pessoas, segundo estimativa da Secretaria de Segurança. O grupo se concentra no estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha, de onde seguirá em dois trios elétricos até o Palácio do Buriti, pela via N1, para, depois, retornar ao ponto de partida, pela S1

Às 17h30, o público ao redor do estádio já era grande. Para animar os foliões, os organizadores do bloco tocam funk, música eletrônica, sertanejo e outros ritmos. A atendente de caixa Tamara Lorena, 20 anos, chegou cedo para curtir o segundo dia de carnaval. "É o terceiro ano seguido que eu venho para o Raparigueiros. É um bloco que gosto bastante, pois tem muita variedade de música. Para quem curte carnaval, é uma ótima pedida", disse.

Ela e as amigas, a garçonete Ludmila Soares, 24, e a repositora Thays Santos, 26, apostaram na fantasia de Mulher Maravilha, super-heroína do universo DC. "Até compramos um cooler da Mulher Maravilha para trazer as nossas bebidas. Três mulheres bonitas como nós não poderiam vir vestidas de outra maneira. Quem sabe, a gente não encontra algum Super Homem", brincou Ludmila. 

É o terceiro bloco que as amigas curtem neste carnaval. "Até o momento, não tivemos nenhum problema. Em todos os lugares que passamos, fomos respeitadas. Acho que o brasiliense está mais conscientizando neste ano", opinou Thays.
 
27 anos de tradição

Criado em 1992, o Raparigueiros saiu às ruas pela primeira vez em 1998. Segundo o diretor do bloco, Pedro Nery, o grupo é um dos mais populares da capital. "O bloco é reconhecido como um dos maiores do Centro-Oeste e surgiu em uma época onde o carnaval não era tão popular em Brasília. Acredito que nós, junto com o Baratona, o Galinho e o Pacotão, fomos os responsáveis por expandir a cultura dessa festa no DF e fazer com que o nosso carnaval seja o que é hoje", contou.

Feliz por mais uma edição do bloco, ele espera que a folia seja marcada pela alegria. "A principal mensagem que queremos deixar é de que as pessoas sejam felizes. Queremos que o público venha para fazer festa e aproveitar. Garantimos muita animação da nossa parte", afirmou. 

Ver galeria . 17 Fotos Minervino Junior/CB/D.A Press
(foto: Minervino Junior/CB/D.A Press )

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade