Publicidade

Correio Braziliense

Justiça condena homem que matou amigo dentro de casa em Vicente Pires

Carlos Henrique da Silva foi condenado a 14 anos de prisão. Ele esfaqueou e matou o amigo Wanderson Santos Henrique dentro da própria casa


postado em 07/03/2019 14:30 / atualizado em 07/03/2019 14:39

(foto: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)
(foto: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)
O Tribunal do Júri de Águas Claras condenou Carlos Henrique da Silva a 14 anos de prisão. Ele virou réu após assassinar o próprio amigo Wanderson Santos de Abreu dentro de casa. O caso aconteceu em 28 de março do ano passado, quando Carlos, sob efeito de álcool, esfaqueou a vítima.  

O processo descreve que Wanderson pediu para lavar roupa na casa do acusado. Dentro da residência, a vítima sentou no sofá da sala e pouco tempo depois foi surpreendido por Carlos, que chegou embriagado e o esfaqueou no peito. O ferimento foi fatal. 
 
A Justiça determinou que Carlos fosse submetido a julgamento por júri popular, que acatou integralmente a denúncia do Ministério Público. O réu foi condenado por homicídio qualificado, porque ele dificultou a defesa da vítima. O juiz ainda ressaltou que a motivação do crime se encontra "obscura" e que o comportamento da vítima não contribuiu para o crime.  

Por causa da sentença, Carlos não poderá recorrer em liberdade. O juiz frisou que ele é reincidente em crime grave, por já ter cometido roubo, e, por isso, pode apresentar risco à população. Com a justificativa de garantir a ordem pública, ficou determinado que o réu permanecerá preso.  
 
Com informações do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT).  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade