Publicidade

Correio Braziliense

Justiça determina prisão preventiva de mulher que ateou fogo em homem

Tentativa de homicídio ocorreu no Gama. Vítima segue internada em situação estável


postado em 18/04/2019 22:33

Polícia conseguiu apreender galão com combustível utilizado pela suspeita(foto: PCDF/ Divulgação)
Polícia conseguiu apreender galão com combustível utilizado pela suspeita (foto: PCDF/ Divulgação)
A Justiça do Distrito Federal determinou a prisão preventiva de Kelly Naiara do Nascimento Brazil. Ela confessou ter ateado fogo no em Valdiran da Silva Mota. O crime ocorreu na madruga da última quarta-feira (17/4), na quadra 15, do Setor Central do Gama. Ambos são moradores de rua. 

Conforme investigação dos agentes da 14ª Delegacia da Polícia Civil, Kelly Brazil teria discutido com a vítima minutos antes do crime. O homem precisou ser socorrido e teve 36% do corpo queimado. 

A Polícia Civil informou que o caso é investigado como tentativa de homicídio. Ainda de acordo com a corporação, a vítima teve queimaduras de primeiro e segundo graus. 

A vítima segue internada no Hospital Regional da Asa Norte (Hran), referência no Distrito Federal em tratamento de queimaduras. O quadro dele é considerado estável.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade