Publicidade

Correio Braziliense

Homem é autuado após mentir à polícia que enteado teria tentado matá-lo

O suspeito não aceitou o fim do relacionamento e disse que o filho da esposa teria tentado matá-lo. Com o enteado preso, ele esperava que a mulher voltasse para casa


postado em 25/04/2019 18:51 / atualizado em 25/04/2019 19:31

(foto: Júlio Lapagesse/CB/D.A Press)
(foto: Júlio Lapagesse/CB/D.A Press)

Sem aceitar o fim do relacionamento com uma mulher, um homem de 38 anos mentiu aos investigadores da 17ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Norte), informando que o enteado teria tentado matá-lo. O caso aconteceu nesta quinta-feira (25/4), quando o filho da mulher foi à casa do casal para levá-la embora.  

Aos investigadores, o homem contou que o filho da esposa, de 28 anos, teria atirado contra ele três vezes, sem acertar qualquer disparo. Em seguida, teria levado à mulher de carro, quando ele tentou persegui-los em uma motocicleta, mas sem sucesso. Os policiais iniciaram as investigações no início da manhã, no entanto, ao escutar depoimento do homem na delegacia, suspeitaram da história.  

Os investigadores afirmaram que uma testemunha teria negado a versão do homem. Nervoso, ele decidiu contar a verdade: não aceitou o fim do relacionamento e inventou todo o caso. Por fim, ele foi autuado por denunciação caluniosa.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade