Publicidade

Correio Braziliense

Mesmo com Mega-Sena acumulada em R$ 115 milhões, lotéricas não têm filas

É o segundo maior prêmio do ano, acumulado há seis rodadas, atrás apenas dos R$ 289,4 milhões pagos no dia 11 de maio


postado em 15/06/2019 09:35 / atualizado em 15/06/2019 14:44

Mesmo acumulada em R$ 115 milhões, as lotéricas de Brasília não apresentavam fila na manhã deste sábado. Acumulado há seis sorteios, o prêmio é segundo maior do ano, atrás apenas dos R$ 289,4 milhões pagos no dia 11 de maio. Em geral, em dias de sorteio com um valor tão alto, as lotéricas costumam ficar bem mais cheias.

 

Daniel Soares da Silva, 26, vendedor, era um dos poucos gatos pingados na lotérica do Conjunto Nacional nesta manhã. Ainda por cima, parte dos poucos clientes não estavam apostando, apenas pagando contas. Daniel ficou ainda mais incentivado a jogar na Mega-Sena depois de acertar quatro números e ganhar cerca de R$ 700, há mais de um ano, com um investimento de apenas R$ 3,50. Mas ele impõe regras para si: "Eu nunca faço mais de um jogo e só aposto quando acumula".

 

A caixa Karine Silva afirma que não é comum o movimento tão baixo, mas explica que é uma tendência. "As últimas rodadas não têm dado tanto movimento. As pessoas ficaram muito desconfiadas do último prêmio e reclamaram bastante aqui pra gente", relata. Tantos acúmulos e o último ganhador ter feito uma aposta única, de R$ 3,50, pela internet levantou muitas suspeitas de fraude. 

 

Comunicado emitido pela Caixa na ocasião ressaltou que "o processo é integralmente auditado e possui certificação ISO 27001 e WLA-SCS.2012", que "comprovam que o banco utiliza-se das melhores práticas do mundo em segurança da informação, assegurando a disponibilidade, integridade, confidencialidade e autenticidade das informações nos processos de administração das Loterias Federais", conclui. 

 

Mesmo assim, a população ainda desconfia. É o caso de Janete do Nascimento, 28, auxiliar administrativa. Mesmo assim, ela não paga pra ver e aposta mesmo assim. "Só perdi tempo e dinheiro. Se eu tivesse economizado todo o dinheiro que gastei, daria o milhão já", brinca. dA irmã dela, Jane do Nascimento, 25, auxiliar administrativa, ainda sacaneia: "Janete só ganhou experiência". Mesmo assim, ela sempre joga, na esperança de conseguir "estabilizar a vida da família inteira e de abrir uma empresa para gerar empregos".

 

Como jogar 

Quem quiser apostar na sorte, pode ir a uma lotérica hoje até às 19h ou ainda jogar pela internet. Os milhões vão para quem acertar os seis números sorteados entre os sessenta disponíveis. Também é possível ganhar prêmios com quatro ou cinco números. 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade