Publicidade

Correio Braziliense

Polícia faz busca no DF contra venda de ingresso falso para a Copa América

Investigadores da Corf identificaram, até o momento, nove vítimas, mas a corporação acredita que mais pessoas podem ter caído no golpe


postado em 18/06/2019 07:48 / atualizado em 18/06/2019 10:26

(foto: AFP / Raul ARBOLEDA)
(foto: AFP / Raul ARBOLEDA)
Um grupo suspeito de cobrar ingressos da Copa América acima do valor de mercado é alvo de policiais civis na manhã desta terça-feira (18/6). Investigadores da Coordenação de Repressão aos Crimes contra o Consumidor, a Ordem Tributária e a Fraudes (Corf) cumprem mandados de busca e apreensão em Ceilândia, no Setor Habitacional Sol Nascente, no Riacho Fundo e no Gama. Por enquanto, não há prisões.

Segundo o coordenador da unidade, delegado Wisley Salomão, os valores cobrados pelos ingressos eram acima do mercado e o dinheiro foi depositado em contas correntes de agências bancárias do Distrito Federal. 

Em troca do pagamento, o grupo prometia encaminhar aos compradores, via e-mail, vouchers supostamente emitidos pela Conmebol. No entanto, os bilhetes eramf falsos. Policiais identificaram, até o momento, nove vítimas, mas a corporação acredita que mais pessoas podem ter caído no golpe.

A Copa América começou em 14 de junho. Nenhuma vítima é do Distrito Federal. As partidas de futebol acontecem em estádios do Rio de Janeiro, de São Paulo, Belo Horizonte, Salvador e Porto Alegre.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade