Publicidade

Correio Braziliense

Em período de queimadas, animais silvestres são resgatados em casas do DF

Uma raposa e uma cobra foram encontradas neste sábado (13/7). Na sexta-feira (12/7), um ouriço foi localizado no Lago Sul


postado em 13/07/2019 23:32 / atualizado em 14/07/2019 00:10

Enquanto vários incêndios são registrados no Cerrado, animais silvestres são encontrados em residências do Distrito Federal. Neste sábado (13/7), uma raposa foi localizada em uma casa em Sobradinho, uma cobra no Guará II e, na sexta-feira (12/7), um ouriço foi resgatado no Lago Sul. 
 
A raposa estava na área externa de uma casa no Condomínio Estância Villa Rica. O animal estava machucado e foi resgatado pelo Batalhão de Policiamento Ambiental da Polícia Militar (BPMA/PMDF). Ele foi encaminhado para o Centro de Triagem e Reabilitação de Animais Silvestres (Cetas) para as providências necessárias. Mais tarde, por volta das 14h40, uma cobra foi localizada no portão de uma casa no Guará II. O animal estava saudavel e foi solto na natureza.
 
Um ouriço foi encontrado em uma casa na QL 18 do Lago Sul (foto: BPMA / Divulgação )
Um ouriço foi encontrado em uma casa na QL 18 do Lago Sul (foto: BPMA / Divulgação )
Na sexta-feira, um ouriço foi encontrado, por volta das 9h, em uma casa na QL 18, do Lago Sul.  "Ele apareceu no quintal, provavelmente, proveniente de área de queimada. Expulsos do habitat, eles acabam procurando áreas urbanas", comentou o sargento Arozima Pereira, do BPMA. 
 
Ao entrar no jardim, o ouriço foi acuado pelos cachorros da residência e buscou refúgio em cima de um coqueiro. Segundo informações dos militares, um dos cães da casa foi atingido pelos espinhos do animal no focinho e na boca. O ouriço foi resgatado pela equipe do BPMA e solto na área do Jardim Botânico de Brasília. 

Queimadas

Na sexta-feira, o Corpo de Bombeiros atendeu 36 ocorrências de incêndios em vegetação. Foram cerca de 25,6 hectares de área queimada. Até as 14h30 deste sábado, haviam, pelo menos, 18 ocorrências. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade