Publicidade

Correio Braziliense

Homem é esfaqueado em tentativa de assalto na rodoviária do Entorno

O crime aconteceu na plataforma superior do terminal, próximo a escada central. Após ataque, criminosos fugiram


postado em 13/08/2019 10:05 / atualizado em 13/08/2019 10:05

Homem foi esfaqueado no terminal que recebe ônibus do Entorno do DF(foto: Caroline Cintra/CB.D.A Press)
Homem foi esfaqueado no terminal que recebe ônibus do Entorno do DF (foto: Caroline Cintra/CB.D.A Press)
Um homem foi esfaqueado na plataforma superior da Rodoviária do Entorno, próximo a Rodoviária do Plano Piloto, nas primeiras horas desta terça-feira (13/8). Pessoas que estavam no local presenciaram a ação de bandidos que tentaram assaltar a vítima e logo depois o agrediram com a faca. A polícia ainda não divulgou o nome da vítima. 

"Foi tudo bem rápido. Era entre 5h45 e 6h quando aconteceu. Eu estava perto, mas quando percebi o que tinha acontecido, os caras já estavam correndo e o homem caído no chão com um pouco de sangue. Nem sei se conseguiram levar alguma coisa dele ou se ele foi ferido porque não quis entregar alguma coisa", contou um ambulante que não quis se identificar.

O Corpo de Bombeiros foi acionado pelas pessoas que passavam pela rodoviária após a agressão. O homem foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU). 

Falta de segurança

Morador de Santo Antônio do Descoberto (GO), José Ferreira, 58 anos, está diariamente no terminal. Assim que chegou para trabalhar, às 6h, viu o tumulto. "Eu nem me exaltei ou fui atrás para ver o que havia acontecido. Porque isso é comum aqui, infelizmente. Ali, naquela escada, acontece de tudo. E não tem hora, não. Qualquer momento uma pessoa pode ser assaltada ou ferida mesmo, como esse senhor", disse.

Para ele, estar ali todos os dias e conseguir voltar para casa é motivo de gratidão. "É um lugar que tem gente de tudo quanto é tipo. Morador de rua, drogado, assaltante, mas tem muita gente boa também, que acaba sofrendo com a falta de segurança aqui. Poder chegar em casa com o dinheirinho que ganho intacto e bem é uma vitória diária", afirmou José. O Correio aguarda informações da Polícia Militar e da Polícia Civil sobre o caso.  

 Aguarde mais informações

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade